Eliminando as pragas na flor-de-maio

Eliminando as pragas da flor-de-maio
Eliminando as pragas na flor-de-maio

Essa é de longe uma das plantas mais desafiadoras que tenho no jardim. E lá vamos nós para mais um capítulo dessa verdadeira novela da Flor-de-maio. 

No vídeo e post passado comentei com vocês que assim que ela estivesse bem florida eu voltaria com outro vídeo. E foi então que alguns botões começaram a cair. Mas dessa vez, não foi um problema de adaptação ou falta de adubo. Mas sim, um ataque de pragas! 

Raízes aéreas no caule da flor de maio
Raízes aéreas no caule da flor de maio

A raizinha aparecendo no caule é um sinal de que alguma coisa não vai bem. A planta procede assim como uma forma de tentar salvar a parte saudável. Então fique atento toda vez que as suas plantas começarem a emitir raízes aéreas. 

E como as próprias raízes já denunciavam o caule estava começando a se deteriorar. E foi então que revirando o substrato descobri a presença de vários caramujos, lesmas e caracóis. Todos bem pequenos. 

Para minha sorte eu tinha em casa um defensivo que uso nas orquídeas para o mesmo problema. Trata-se de uma isca granulada e com ótimo rendimento. Para vocês terem uma ideia, uma ou duas iscas já foram suficientes para eliminar as pragas.

Defensivo para lesmas e caracóis
Defensivo para lesmas e caracóis

Caracóis na isca
Caracóis na isca

Problema resolvido, agora resta fazer uma muda para tentar garantir a espécie. Vou fazer também uma nova adubação pois acredito que a planta tenha potencial para florir novamente! 

Para a muda vou usar esse caule que já está com raízes. E vou colocar na água para enraizar ainda mais. Lembrando que aqui mesmo no blog e também no canal já tem um vídeo onde falo dessa técnica. 

No próximo post e vídeo vou mostrar como está indo o enraizamento e também todos os detalhes e resultados da nova adubação! E aí? Será que ela floriu novamente? É o que eu vou contar para vocês nos próximos capítulos da flor-de-maio!

Veja também em vídeo!



Continue lendo para saber mais sobre:

Siga o Jardinet nas redes sociais e fique por dentro das novidades com várias dicas de cultivo!

Violeta pendente - Streptocarpus saxorum

Violeta pendente - Streptocarpus saxorum
Violeta pendente - Streptocarpus saxorum

Há cerca de um ano eu ganhei essa muda fofa de violeta que foi feita por estaquia. E essa é a primeira dica que eu vou deixar para vocês hoje, que ela se propaga facilmente por estaquia das pontas dos ramos. Já percebi também que quando os galhos encostam na terra eles começam a enraizar então essa é uma planta que também se propaga por mergulhia

3° Comprinha de suculentas + Dicas de cultivo

3° Comprinha de suculentas + Dicas de cultivo
Perle, Echeveria Nodulosa e Kalanchoe Marnieriana

Quando "bati" o olho nessa suculenta pensei: "-Será essa a famosa Pérle?". Mais que depressa mandei a foto para as amigas do Diário de uma sementeira e do Canal Querida Planta, e elas confirmaram! 

Essa espécie é extremamente ornamental! As folhinhas tem um tom de rosa mesclando com lilás num suave degradê. E com essa espécie vou passar também a primeira dica de hoje que é a de retirar todas as folhinhas que caem no substrato. Dessa forma podemos visualizar o caule da planta e não tem nenhuma folhinha encostando na terra. 

As mais saudáveis vou levar para o berçário e se elas enraizarem eu volto com outro vídeo e post mostrando as novidades.