Gladíolos - Gladiolus x hortulanus

Gladíolo
   
Já é a segunda primavera que essa plantinha floresce no jardim. Logo depois da floração as folhas secam e o bulbo entra em dormência. Curiosamente não percebi muito interesse dos beija-flores no ano passado, cheguei até à duvidar da atratividade da planta. Mas este ano, agora no mês de dezembro, presenciei a visita de duas espécies que vieram se alimentar de seu néctar. Hoje compartilho com vocês mais essa beleza da natureza que alimenta os beija-flores!

Como cultivar bulbos
Bulbos de Gladíolo

Os bulbos que plantei foram comprados em um Garden center e levaram cerca de 20 dias para brotarem. Depois vou fazer um post inteirinho falando sobre eles. As plantas originárias de bulbos, pelo menos as que tive a oportunidade de cultivar, são resistentes à pragas, viçosas e não dão praticamente nenhum trabalho.

Flores e folhas do Gladíolo

Os Gladíolos são rústicos e necessitam de poucos cuidados no cultivo. As regas devem ser mais frequentes no início e podem ficar mais espaçadas depois que a planta tiver se desenvolvido. O solo de seu plantio pode ser acrescido de matéria orgânica ou adubado com esterco bovino. A planta prefere sol pleno e se multiplica com a divisão dos bulbilhos que se formam ao redor do bulbo principal. No meu caso não retiro os bulbos da terra quando entram em dormência e eles sempre rebrotam no ano seguinte.

Continue lendo para saber mais sobre:

Siga o Jardinet nas redes sociais e fique por dentro das novidades com várias dicas de cultivo!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...