Germinação e dicas de cultivo da Lavanda Inglesa!

Folhas da lavanda-inglesa (L. angustifolia ou L. officinalis)
 lavanda-inglesa (L. angustifolia ou L. officinalis)

A história da lavanda foi assim... Comprei um pacote de sementes, plantei-as num substrato pronto e aguardei ansiosamente sua germinação. Para minha tristeza nenhuma das sementes germinou... Bem, como ainda restavam algumas sementes, consultei a internet e fui atrás do "segredo" da germinação das lavandas...

Descobri que elas apresentam um tipo de dormência que pode ser quebrada colocando as sementes num saco plástico com areia úmida... Fiz o teste e mais uma vez não deu certo e lá se foi um pacote inteirinho de sementes, contudo eu que ainda estava começando nesse “mundo” da jardinagem não me dei por vencida e fui observando que algumas sementes em meu jardim germinavam em épocas diferentes conforme mudava o clima, e assim continuei a insistir e quando veio a época da chuva elas finalmente germinaram...

As novas sementes que comprei já estavam no substrato à algum tempo, mas mesmo assim não se perderam, e detalhe, o substrato dessa vez sem muito “cuidado” foi de terra arenosa misturada com um pouquinho do outro substrato pronto, como a Lavanda já é nativa de solos áridos ela não teve problema algum...

Germinação da  lavanda-inglesa (L. angustifolia ou L. officinalis)
 lavanda-inglesa (L. angustifolia ou L. officinalis)

RESUMINDO, algumas técnicas de quebra de dormência podem até dar certo, mas acredito que a paciência e a perseverança são uma premissa na área de jardinagem, além do mais o melhor é deixar que as novas mudinhas nasçam conforme sua natureza ou seja no tempo certo, assim as chances delas crescerem fortes e estarem prontas para as intempéries é muito maior!

P.S: Ainda assim, a taxa de germinação da lavanda-inglesa foi baixa e o crescimento também é bem mais lento do que o da lavanda-francesa.

 lavanda-inglesa 8 meses após semeadura
 lavanda-inglesa 8 meses após semeadura

A lavanda necessita de sol pleno em seu cultivo, inclusive para garantir uma bela floração. As regas devem ser feitas com moderação até o estabelecimento da muda, depois basta regá-la nos períodos de estiagem. As podas geralmente são desnecessárias, corte apenas as flores secas.

As lavandas são muito rústicas e se adaptam à vários tipos de solo. E ao contrário da lavanda-francesa a lavanda-inglesa é muito sensível à adubação.

Continue lendo e veja também outras valiosas dicas de cultivo:


Siga o Jardinet nas redes sociais e fique por dentro das novidades com várias dicas de cultivo!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...